Pesquisar este blog

sexta-feira, 7 de julho de 2006

A ex-assaltante de banco ,a guerrilheira "Wanda"-Dá um palpite sobre eleições:

Dilma considera "baixo nível de condução de campanha" se oposição explorar patrimônio de Lula

A ministra Dilma Rousseff, da Casa Civil, não acredita que a oposição explore, na campanha eleitoral, o salto de quase 100% no patrimônio do presidente Luiz Inácio Lula da Silva em seus quatro anos de mandato.
Caso isso aconteça, entretanto, a ministra disse considerar a atitude "um baixo nível de condução de campanha eleitoral". A afirmação foi feita há pouco aos jornalistas, após encontro na Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp).

Na declaração apresentada ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE), o presidente Lula - candidato à reeleição - declarou que seu patrimônio pessoal passou de R$ 422 mil em 2002, ano em que foi eleito, para R$ 839 mil. O Partido dos Trabalhadores (PT) divulgou nota em que afirma que o salto é explicado pelos rendimentos das aplicações financeiras do presidente e pelo seu salário.

Questionada se o incremento no patrimônio não seria munição para a oposição na campanha eleitoral, a ministra disse "não acreditar" nessa atitude.

(Taís Fuoco | Valor Online
Ex conselheira de primeiro minuto do presidente ,Dilma na casa civil, foi relegada a segundo plano por Lula recentemente, porque ele viu o absurdo do montante nos roubos de Dilma junto com Adhemar Palocci,na ELETRONORTE.

Um comentário:

S0MBR4 disse...

É Kozel! Ta f...
Assaltante de banco ministra...
Ex-ministro serial killer...
Um bando de corruptos...

Aquele banner do Beira-mar presidente nem é tão absurdo assim!