Pesquisar este blog

sexta-feira, 8 de setembro de 2006

Evangélicos enganados duplamente

Pobres ,já explorados à exaustão pelos pastores,que lhes aplicam infindáveis golpes(outro dia vi uma dessas Igrejas,que alegou furto do dízimo ,para cobrá-lo em duplicidade dos fiéis)golpes,ainda vem Lula para enganá-los mais um pouco...
O presidente Luiz Inácio Lula da Silva, candidato do PT à reeleição, recebeu nesta sexta-feira, apoio público de pastores e líderes da Igreja Assembléia de Deus. "Saio daqui mais uma vez gratificado, agradecendo a Deus por este dia. Valeu viver até o dia de hoje para saber que os evangélicos não têm nenhuma dúvida em relação ao presidente Lula e o presidente não tem dúvida em relação aos evangélicos. Somos todos crentes e amamos este país", disse Lula antes de receber as orações coletivas dos pastores que se reuniram na Catedral das Assembléias de Deus, em Santa Cruz, na zona Oeste do Rio.

Lula afirmou que "se tivermos um segundo mandato, com a experiência e aprendizado que tivemos, podemos fazer infinitamente mais, incomodando aqueles que vocês sabem que estamos incomodando".

O presidente citou o nome de Deus e o povo em vários momentos no emocionado discurso que fez na catedral. "Estamos aprendendo que Deus escreve certo por linhas tortas, atento para tudo, e que as coisas acontecem quando tem que acontecer", afirmou ao comemorar, segundo ele, o seu primeiro encontro com evangélicos, sem intermediários. "Eu digo sempre que, se tem um ser humano que tem que olhar todo dia para o céu e agradecer a sua generosidade, sou eu. Deus foi bem generoso".

Lula disse também que "o Brasil não pode ser governado como se o povo fosse apenas um número estatístico, mas sobretudo como a força do batimento do coração da gente". Ele afirmou que há segmentos da sociedade que "começam a duvidar do povo, querem criar um novo povo", e disse que esta posição de querer um povo diferente para o país lembra o comportamento de Adolf Hitler.(ele,sim,o Apedeuta ,está se comportando como um führer ,manipulando as massas e tirando-lhes o raciocínio lógico,atirando aos miseráveis esmolas e negando-lhes dignidade)

Um comentário:

pentefino disse...

Agora que o Apedeuta, na linha da "escatologia da libertação", comprou também a peso de ouro e cargos públicos os fariseus neopentecostais, que dirigem a súcia dos mais sórdidos parlamentares mensaleiros, sanguessugas e vampiros, só falta aos "bispotes" católicos, que impingiram ao povão o paparicado Anão Moral como a encarnação brasileira do Messias bíblico, aderirem de vez ao rentável ecumenismo litúrgico-político-partidário alimentado por malas voadoras e desvios de recursos do erário e, pungentemente unidos, sob a batuta do "noço guia geniau", celebrarem, de preferência na língua dos anjos, entre cerimônias de descarregos, exorcismos e libações alcoólicas, um novo "tratado de ladrão" para selar, em definitivo, a rendição incondicional da religião à corrupção. AMÉM, AMÉM, AMÉM!!!