Pesquisar este blog

quarta-feira, 18 de outubro de 2006

Traidor é banido

Freire anuncia desfiliação de Maggi por apoio a Lula

O apoio declarado do governador eleito do Mato Grosso, Blairo Maggi, ao candidato Luiz Inácio Lula da Silva (PT) custou caro. O presidente do PPS, Roberto Freire, informou que Maggi foi desfiliado do partido por contrariar a decisão da legenda de apoiar a candidatura de Geraldo Alckmin à Presidência da República.

Segundo Freire, o governador lhe enviou por e-mail nesta terça-feira (17.10) um pedido de licença até o final do segundo turno da eleição ou a desfiliação. Freire optou pela segunda alternativa.

Maggi recebeu a resposta também por e-mail. “Seria um constrangimento expulsá-lo”, afirmou Freire. “O partido não convive com isso”, acrescentou, referindo-se à indisciplina do governador ao contrariar a determinação da legenda.

Os eleitores que elegeram Maggi no primeiro turno,quando ele prometia apoio ao Alckmin,também merecem satisfações,seu canalha !