Pesquisar este blog

sábado, 17 de março de 2007

Aos paraguaios o perdão,aos consumidores brasileiros,a conta.

O Brasil decidiu isentar o Paraguai do pagamento da correção monetária da dívida da hidrelétrica de Itaipu. A parcela paraguaia será paga pelos consumidores brasileiros das regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste. Na avaliação de Itaipu, o impacto na tarifa será pequeno e só ocorrerá a partir de 2008.

O benefício, formalizado ontem por meio de medida provisória, foi acordado na reunião de Cúpula dos Países do Mercosul, nos dias 18 e 19 do mês passado, no Rio de Janeiro. Itaipu é uma usina binacional (Brasil-Paraguai), construída no rio Paraná, na fronteira entre os dois países. Com capacidade de gerar 12,6 mil MW (megawatts), responde por 24% do mercado brasileiro e por 95% do paraguaio.

Para construir a usina - e 1975 a 1984 - o governo brasileiro contraiu dívida com bancos internacionais. Hoje, o saldo dessa dívida é de aproximadamente US$ 19 bilhões, que serão pagos até 2023.

A dívida é paga por meio da tarifa cobrada dos consumidores dos dois países. A maior parte é financiada pelos brasileiros, porque o país consome 94% da energia produzida pela usina. Essa energia é comprada pela Eletrobrás, que repassa compulsoriamente o custo para 19 distribuidoras das regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste

3 comentários:

AGRIDOCE disse...

Nas contas entre Estados, normalmente, ninguém dá nada a niguém (como se isso fosse facilmente visível nas contas das pessoas, não é? Mas se for possível, é aqui, não ali).

Por isso... não deve haver muitas preocupações. Mais tarde ou mais cedo, quase sempre mais tarde devido a segredos de Estado, vai-se saber que houve uma contrapartida.

Mas é bom que haja alguém a levantar todos as caminhadas de interesses. E que, pelo menos, este blog seja um dos que.

Inté

Patrick Gleber disse...

Kozel,

É mesmo um brincalhão esse Lula (ver motivo no meu blog). Se os "hermanos" têm isenção eu quero também. Ou então me torno um sonegador. Pegar ou largar, presidente.

Stella disse...

tem dias que me dá a impressão que povão pensa que mora na Suiça e que Real vale tanto quanto Euro ou Dólar
a conta a ser paga por nós está a cada dia mais alta e ninguém se rebela