Pesquisar este blog

sexta-feira, 16 de novembro de 2007

O Apedeuta e a tv digital

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva reagiu com contrariedade à informação de que o conversor para captar o sinal digital custaria ao consumidor cerca de R$ 750, segundo reportagem publicada nesta sexta-feira (15) pela Folha de S.Paulo

Em encontro com empresários, na quarta-feira (14), os quais foram levar o convite para o lançamento da TV digital no país, Lula disse que o aparelho é muito caro e cogitou tomar medidas para que seja vendido a R$ 250. "Não se pode achacar o povo", disse.
O apedeuta está certo em querer a exclusividade disso pelo governo e bancos

Mais sobre tv digital

3 comentários:

Malbert de Brasília disse...

Durante o governo de Berlusconi (centro-direita) na Itália, o premier tinha impulsionado o "digital terrestre", como era chamado lá. Os esquerdistas itálicos naturalmente foram pra rua ululando que era mais um interesse particular do Berlusconi, que é dono das três maiores redes TV comerciais.
Começaram vendendo os "decoder" com uma subvenção do estado. Meu pai, que mora em Roma, diz que é uma maravilha, pois agora pode ver os canais estrangeiros.
Na realidade, esse digital terrestre já estaria ultrapassado. E francamente não quero fomentar canais a pagamento, pois esse é o objetivo: tornar a pagamento eventos esportivos, filmes etc, quase como um Sky, Direct e Net qualquer!
O futuro é a TV por Internet, que será (e já é) de graça e com a possibilidade de ver canais do mundo inteiro. Por enquanto é so no computador, mas já existem aparelhos destinados a este uso, até com mando vocal, touch screen, etc etc! Eu tentei de assinar um provedor de canais por Rede, mas a resposta dele foi que meu pais ainda não o permite!!
Nada de extranho...os interesses são imensos, de parte de políticos e empresários. Incrível é que eu, que sou um liberal de direita, tenha que sentir esse tipo de repulsão!

Stella disse...

tudo neste governo gira em torno de interesses do grupelho

ZEPOVO disse...

O Brasil é o segundo país do mundo em número de televisores. É um mercado monstruoso, todos querem um pedaço.
A jogada de lançar o decodificador caro, é para que seja mais vantagem comprar a TV nova, já digital. Isto só prejudica a classe C.
Lula está correto, para a maioria dos brasileiros o decodificador é a solução, e tem que ser barato, porque vai ser vendido aos milhões.
Possivelmente vai ser subsidiado e vendido financiado por bancos públicos, se o PT/Lula capitalizar o fato , paciência, mas isto vai ser muita fonte de discusão no futuro.