Pesquisar este blog

terça-feira, 30 de junho de 2009

Apedeuta aflito


-" Não podemos permitir que em pleno século XXI na América Latina haja um golpe militar. É inaceitável. Não podemos reconhecer o novo governo. Temos que exigir a volta do governo eleito democraticamente. Senão daqui a pouco vira moda outra vez" - disse Lula ao deixar o Palácio do Itamaraty

Que tal os milicos brasileiros usarem deste expediente aqui?

Sou a favor ,e o presimente e todos os políticos(sem exceção honrosa) merecem!

4 comentários:

paschoal disse...

Kozel, que saudades de 1964, naquele tempo sim as FFAA brasileiras tinham homens em suas fileiras. Agora, não passam de lobinhos escoteiros brincando de soldadinho.
Honduras sim tem homens nas FFAA!

Marcos Pontes disse...

Lula ignora - propositadamente ou por ignorância mesmo - a legislação hondurenha, assim como ignora a nossa (agora, por maldade). A Constituição daquele país não permite plebiscito no período de 180 dias que antecedam eleição e o presidente deposto queria ferir a lei e obrigar os militares e as instituições a obedecê-lo. A diferença é que lá quem fere a constituição é punido, enquanto que aqui, bandido vira autoridade e vice-versa.

flávia disse...

Kozel
Eu não entendo mais nada,e as alegações de todos os jornais(até o tradicional Estadão)de que houve um golpe militar?Como assim?a Justiça,a Lei,estavam contra esse plebiscito,agora é golpe militar?Quem estava querendo violar a Constituição era o tal de Zelaya(boa coisa não é,para se aproximar de Chávez).Até os EUA?Onde estamos,meu Deus?Querem a América Latina cheia de ditadores ad-eternum?A própria população hondurenha teve uma reação pífia contra esse suposto golpe...

Carlos, um jeito tabajara de ver a vida disse...

saudade dos militares!!!!! Não está dando mais para aguentar esta quadrilha no poder. O mais ingenuo, ingenua, foi assaltante de banco. Esteja, certos, que o Lula ainda vai tentar um terceiro mandato. Esse projeto vai ser aprovado em um momento em que nao haja possibilidade de reação por parte do congresso. Bem no final deste ano!!

Abraço!!!!!